Segunda, 22 de Julho de 2024 10:23
62 99885-9898
Anúncio
Saúde Referência no Brasil

Número de transplantes de rim chega a 2 mil no HB de Rio Preto

O transplante de rim 2.000 foi realizado, no dia 25 de maio, em Jorselino Souza Santos, de 47 anos, morador de Rio Preto.

12/06/2024 19h59
Por: Harley Pacola Fonte: Assessoria de Imprensa
Divulgação
Divulgação

O Hospital de Base de Rio Preto realizou o transplante de rim de número 2.000, o que reforça a condição do Serviço como um dos principais e mais bem estruturados do Brasil.

Apenas 12 instituições de saúde chegaram a 2.000 procedimentos no país, sendo que, destas, somente três são do interior – Rio Preto, Campinas e Blumenau (SC). “Mais do que um número, este número significa que salvamos e melhoramos muito a qualidade de vida destas milhares de pessoas, o que recompensa todo o empenho e profissionalismo de nossa equipe multiprofissional”, afirmou o médico nefrologista Mário Abbud Filho, diretor do Centro Interdepartamental de Transplantes de Órgãos e Tecidos (Cintrans) do Hospital de Base/Famerp.


O transplante de rim 2.000 foi realizado, no dia 25 de maio, em Jorselino Souza Santos, de 47 anos, morador de Rio Preto. Ele recebeu alta na tarde desta quarta-feira (12 de junho).


O urologista e cirurgião Pedro Francisco Ferraz de Arruda, responsável pela Cirurgia do Transplante Renal do HB, destaca que os 2.000 transplantes é mais um fato que confirma a excelência do serviço do Hospital de Base de Rio Preto. “Temos quatro cirurgiões, além de uma grande equipe multidisciplinar que permite realizar este grande número de procedimentos. Somos referência não só para nossa região, mas também para Minas Gerais, Mato Grosso do Sul e demais Estados próximos”, afirma Dr. Pedro Arruda.

Dobro de transplantes da média do Brasil

O Hospital de Base não se destaca nacionalmente apenas pelos 2.000 procedimentos. O Serviço realiza 56 transplantes de rim por milhão de habitantes, mais do que o dobro da média do país, de 23,8 procedimentos por milhão. No ano passado, a equipe do HB transplantou órgãos em 124 pacientes da região noroeste do Estado. “Se nossa região fosse um Estado, seríamos os primeiros do Brasil. E se fôssemos um país, estaríamos no mundo atrás apenas do Estados Unidos (78 transplantes por milhão) e Espanha (72/milhão)”, ressalta Dr. Mario Abbud Filho.
Com os 56 transplantes por milhão, Rio Preto também apresenta um resultado 30% maior do que a média do Estado de São Paulo, de 43 procedimentos/milhão, segundo o último Registro Brasileiro de Transplantes (RBT) da Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos (ABTO), de 2023.


O Serviço de Transplante possui equipe multidisciplinar completa, formada por nefrologistas, cirurgiões, equipe de enfermagem especializada, além de nutricionistas, psicólogos, fisioterapeutas e profissionais de outras áreas do HB de Rio Preto, que integra o segundo maior complexo hospitalar do Estado de São Paulo.


Poucas instituições de saúde no Brasil dispõem da infraestrutura que permite ao HB realizar estes 2.000 procedimentos. O Serviço funciona na Unidade de Transplantes de Órgãos e Tecidos, que ocupa todo o 8° andar do Hospital de Base de Rio Preto, área total de 800m², reunindo 14 leitos para a recuperação dos pacientes após os transplantes.

Além de rim, o complexo formado pelo HB e Hospital da Criança e Maternidade (HCM) também realizam transplantes de fígado, córneas, medula óssea e coração infantil. Os transplantes de rim foram os primeiros a serem realizados na instituição em 1992. Nestes mais de 30 anos, o HB fez mais de 6.800 procedimentos.

 

O Hospital de Base (HB) de São José do Rio Preto é o 2º maior hospital-escola do país em produção SUS, ligado à Faculdade de Medicina de Rio Preto (Famerp), uma das escolas de medicina públicas mais conceituadas do Estado de São Paulo. Com corpo clínico altamente qualificado e médicos reconhecidos nacionalmente, o HB se destaca pela alta tecnologia que oferece aos pacientes, dos quais, mais de 85% são do Sistema Único de Saúde (SUS).

O HB é uma das unidades da Fundação Faculdade Regional de Medicina (Funfarme), que reúne também o Hospital da Criança e Maternidade (HCM), o Ambulatório de Especialidades, o Instituto do Câncer (ICA), o Hemocentro de Rio Preto e a unidade do Instituto de Reabilitação Lucy Montoro.


Em 2023, o HB realizou mais de 91 mil atendimentos, em 55 diferentes especialidades. A instituição conta com mais de 7.400 colaboradores, empenhados em oferecer um atendimento seguro, humanizado e individual à cada paciente. São mais de 570 médicos, 400 médicos residentes, 3.200 profissionais de enfermagem, além de 650 profissionais de outras especialidades da saúde, como fisioterapeutas, nutricionistas, terapeutas ocupacionais, psicólogos, entre outros.


O HB possui 781 leitos, dos quais, 630 de enfermaria e 151 de UTI. Além disso, a instituição tem um dos maiores centros cirúrgicos do país, com 27 salas equipadas com alta tecnologia. Para comportar tamanha estrutura, o HB está localizado em um complexo hospitalar com mais de 100 mil m², na zona sul de Rio Preto, próximo a grandes rodovias que ligam às principais cidades dos Estados de São Paulo, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul e Paraná. 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.